Aqui está a minha vida...

... esta areia tão clara com desenhos de andar dedicados ao vento.

Cecília Meiréles

sábado, 27 de fevereiro de 2010

Espelho meu, espelho meu...


Infelizmente, eu não sou uma pessoa vaidosa. Eu não tenho paciência para limpezas de pele, cremes, maquilhagem, unhas xptoz, cabeleireiro...

Cabeleireiro. Detesto ir ao cabeleireiro. Muito. Desde a primeira vez que fui e que me queimaram o cabelo todo ao ponto de ficar loira. Sempre que ia ao cabeleireiro, saía de lá sempre triste, desapontada. Parece que eu tenho um imã que atrai os piores profissionais que existem nesta área! Por isso, é tão raro lá ir. Só vou quando tem mesmo que ser.

Estou a passar por uma fase dessas, do tem mesmo que ser. Está bem, vamos lá...

Entrei no salão às 10h40. Saí às 16h50. Gastei... bem... não digo porque, para mim, esse valor chega a ser pornográfico [e logo eu, que sou o que de mais parecido há com o Tio Patinhas, no que diz respeito a gastar dinheiro comigo e em coisas que eu considero fúteis].

Então, vocês pensam: seis horas e um valor pornográfico depois, deves estar o máximo!

Pensam errado. Muito errado... errado com apontamentos de laranja, amarelo e vermelho. Sim, o meu cabelo ficou às cores. E, o mais engraçado foi a reacção da cabeleireira: lindo, ficou lindo!!!

Lindo.

Tudo começou com uma ondulação. Depois, a coloração. Depois, as madeixas. Depois... mais tinta? Sim, eu sei o que estou a fazer! Pois deve saber... e venha de lá mais um corte, muita escova, secador et voilá! Parecia que uma galinha tinha vomitado para cima da minha cabeça, para não falar no estado em que ficou cada fio de cabelo, parece palha de aço [daquele fininho que se usa para alisar os tachos].

Eu estou a passar uma fase dessas, do tem mesmo que ser. Custava muito ter tido sorte com a cabeleireira, só desta vez???

[custava???]

3 comentários:

Marta disse...

Mas ficou assim tão mal? Não estarás a exagerar? Mostra como ficaste, fiquei curiosa!

Fê-blue bird disse...

Amiga:
Algumas mulheres e eu sinceramente também nunca compreendi muito bem, gastam fortunas em cabeleireiros estéticas etc... para ficarem bem piores!
É um contra-senso mas muitos profissionais" vivem à custa disso.
No entanto não faz mal ficar "vaidosas" de vez em quando...o seu marido o que achou?
O meu diz sempre que fiquei pior :(((quando vou ao cabeleireiro, por ele eu devia ter o cabelo como a Eva no paraíso.lol
Mas, tenho muita curiosidade de ver o seu cabelo, será que posso? :-)
Jinhos coloridos!!!

susana lopes disse...

Fê, amiga, eu nem sei o que lhe dizer. Eu que nunca vou a cabeleireiros porque aprendi a lição há para aí vinte anos... fui cair como uma patinha...mais como uma galinha, porque a foto que eu usei neste post é, sem dúvida, a melhor que eu encontrei.

Sei que isto é tudo mesmo muito fútil (ao lado de tudo o que anda a acontecer por esse mundo fora), mas não posso deixar de me sentir aborrecida: a miga sabe porque é que eu precisei de ir à treta da cabeleireira.

Bem... a minha mãe já deu um jeitinho. Uma craque...

Beijinhos coloridos... mas só com uma cor.

:)

 
Designed by Susana Lopes